O Atlas Esmeralda


Há dez anos, numa noite de inverno, os irmãos Kate, Michael e 
Emma foram tirados de suas camas às pressas, perseguidos por criaturas estranhas e levados para longe de seus pais, os quais nunca mais viram. Desde então, os três passaram todo esse tempo vivendo em vários orfanatos sem saber o que de fato aconteceu naquela noite. Kate, a mais velha, é a única que tem lembranças dos pais, a quem jurou proteger seus irmãos a todo custo até que a família estivesse reunida novamente; Michael, o do meio, adora o mundo dos livros e histórias de magia e é sempre alvo de implicância dos garotos mais velhos; e Emma, a mais nova, é uma verdadeira encrenqueira, mas de grande coração. Quando chegam a uma mansão abandonada, os irmãos encontram um atlas encantado que os faz viajar no tempo e os leva para uma terra habitada por gigantes, anões, lobos famintos, crianças prisioneiras e uma condessa que é a fonte de todo o Mal. Assim, as crianças que apenas buscavam o paradeiro de seus pais acabam tendo que salvar o mundo.

Desde o momento em que vi a capa do livro, fiquei apaixonado por ele. E quando li a sinopse então, o sentimento apenas aumentou. Sabe quando um livro meio que te chama? Pois é, foi isso que aconteceu. Caso não saiba, aguarde o chamado, um dia ele acontece.😉 No que diz respeito às minhas expectativas para com o livro, eu julgo que elas foram muito bem atendidas. Eu esperava uma boa história, uma coisa gostosa de ler, em parceria com aquela trama bem estruturada, e fui satisfeito.

O romance é escrito por John Stephens, um produtor, roteirista e diretor de televisão americana. Dentre seus trabalhos mais famosos nesse meio, podemos destacar o seu desempenho em The O.C. e também a produção executiva da série Gossip Girl. E se não me engano, “O Atlas Esmeralda” é a estréia de John no meio literário. Este mesmo livro é o primeiro de uma trilogia chamada Os Livros do Princípio.

Apesar de abordar uma temática já bastante explorada, John consegue formar uma coisa única. Seus personagens são bem estruturados e gostosos de acompanhar. A obra tem uma pegada bem infanto-juvenil, o que proporciona uma leitura suave, daquelas que você começa e nem se dá conta da passagem do tempo. É muito legal.

Como já dito na sinopse, a história se desenrola através dos três irmãos: Kate, Michael e Emma, três crianças aparentemente órfãs que vivem pulando de orfanato em orfanato. (Essa parte eu achei muito parecida com Desventuras em Série). Acontece que em uma dessas mudanças de lar, os três irmãos vão parar em um vilarejo parado no tempo, mais exatamente em uma mansão, que só é habitada por uma cozinheira, um “barqueiro” e pelo misterioso Dr. Pym. 

Acontece que explorando a mansão, os irmãos casualmente encontram um livro, dentro de uma gaveta, “O Atlas Esmeralda”. Só que eles não sabem das propriedades mágicas do objeto, e custam a descobri-lo completamente, empreendendo assim uma aventura de tirar o fôlego. Acho que o personagem que mais gostei no livro, foi a vilã, que eu obviamente não vou dizer quem é. Mas ela é tão diva, tããão… Vixe, sem palavras. 

Os mistérios da trama vão sendo revelados de forma comedida, o que te motiva ainda mais a ler o livro, já que nunca se sabe o que terá na página seguinte. As reviravoltas na história também são, de certa forma, imprevisíveis, o que contribui ainda mais para o desfecho do livro. E como é uma trilogia, muitas coisas ainda ficaram para serem exploradas e bem explicadas.

Leia o livro, vale muito a pena. E eu te garanto que quando você realmente emplacar na leitura, não vai mais querer parar. Ah, uma coisa que aconteceu comigo, é que quando eu comprei o livro, ele veio lacradinho e tal, e dentro tinha marcador magnético do próprio, muito lindo.😀

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: